07/04/2015

UNIDOS CADA VEZ MAIS PELA MODA


Camila, Beth e Isabela FariaVivaz é uma das principais marcas do cenário da moda festa nacionalIzabel Goulart no desfile da Vivaz (15º Minas Trend)Renata Kuerten no desfile da Vivaz (15º Minas Trend)

Em momentos de crise como o que estamos vivendo atualmente, os empresários são desafiados a colocar em prática todo o seu potencial e comprovar que estas adversidades, na realidade, são oportunidades de provar sua competência.

Em sua estratégia de expansão, a Vivaz está em compasso com o ideal de criação de oportunidades que vão assegurar o seu desenvolvimento sustentável, permitindo assim que o mercado reaja de maneira positiva e adequada a um momento difícil como o que o Brasil passa atualmente, com criatividade e arrojo.

 

Aproveitando os ventos gerados por estes tempos turbulentos, a Vivaz e outras marcas presentes no Fashion City Brasil ajustam suas velas e assim garantem sua navegação por novos mares de onde, com certeza, trarão novas riquezas, e assim estarão mais fortes para superar o desafio e prontas para atender a demanda futura do mercado interno e até o externo, graças à proximidade ao Aeroporto Industrial.

 

É isso que as empresárias Elisabeth Faria (fundadora), Camila Faria e Isabela Faria estão fazendo, expandindo as fronteiras de sua empresa com iniciativas como a nova marca "Viva por Vivaz", identificando outros nichos e explorando novos clientes para que seus produtos possam chegar a um número maior de consumidoras que querem se sentir bem vestidas e dentro de uma moda diferenciada e com alto padrão de qualidade.

 

E para o novo destino da moda, poder participar de movimentos de expansão e de procura por novos horizontes, contando com parceria deste nível e qualidade, é estar na vanguarda da moda brasileira, lugar de onde Minas Gerais nunca deveria ter saído.

 

O Fashion City Brasil tem muito orgulho de estar contribuindo para mudar essa história, colaborando para que Belo Horizonte se transforme efetivamente no grande destino da moda nacional.

 

#unidospelamoda #saidacrise #modaatacadista #modamineira

Créditos: Izabel Goulart e Renata Kuerten são as modelos das imagens (foto: Agência Fotosite) e a família Faria foi clicada por Bárbara Dutra.



07/04/2015

SUSTENTABILIDADE ALÉM DAS FRONTEIRAS: BOM PARA NATUREZA, EXCELENTE PARA O SEU BOLSO


Níveis da certificação LEEDProcessos construtivos mais "verdes"

Ser o primeiro empreendimento EcoFashion do Brasil é uma responsabilidade que ultrapassa a autodenominação: é uma tarefa a ser certificada pelo Green Building Council Brasil, cuja missão é desenvolver a indústria da construção sustentável no país. O Green Building Council é a principal organização internacional que credencia as melhores práticas de construção civil - da concepção à operação das edificações - através da certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design).


Utilizada em 143 países, a LEED é um sistema de orientação ambiental que regula todo o processo construtivo e, logo depois, a operação de cada organização certificada, objetivando sempre a oferecer o menor impacto possível à natureza.


São 7 dimensões avaliadas (Espaço Sustentável, Eficiência do uso da água, Energia e Atmosfera, Materiais e Recursos, Qualidade ambiental interna, Inovação e Processos e Créditos de Prioridade Regional) que possuem diversos pré-requisitos para serem atendidas. Quando estas recomendações são bem avaliadas, garantem uma pontuação que atesta o projeto em diversas graduações, do “nível certificado” até a classe máxima, o “nível platina”.


Nosso compromisso é com a cadeia produtiva da moda brasileira, com o empresário e com o trabalhador da nossa indústria, sem perder a responsabilidade social, ambiental e econômica.


E não é só a natureza quem ganha, seu bolso também: o custo de ocupação fica bem menor que outros empreendimentos, porque os custos de energia e consumo de água são muito mais otimizados. Ganha o meio ambiente, que é menos impactado; ganham o atacadista e o varejista que têm melhores condições de negociação.


#unidospelamoda #LEED #GreenBuildingCouncil



07/04/2015

ACESSÓRIOS PROTAGONISTAS


Anel da PossebonTraga sua marca para o Fashion City Brasil

Nosso país possui cerca de três mil empresas de semijoias e bijuterias que faturaram, juntas, cerca de R$600 milhões em 2013, um aumento de 5% em relação ao ano anterior, segundo o portal R7. Este sucesso se deve à aposta na mistura de materiais, à inovação, à tecnologia e à criatividade da nossa indústria, cuja produção se destina ao mercado interno e externo.


O Fashion City Brasil respira e transpira moda, razão pela qual possui um Núcleo de Acessórios com 70 espaços destinados às empresas produtoras. A iniciativa - que tem o apoio do Sindijoias Gemas MG, Sindijoias RS e do Sindijoias Estado de São Paulo (Regional Limeira, cidade com maior produção do país) - objetiva reunir no mesmo local as mais importantes marcas do setor, dando musculatura comercial e força logística às principais indústrias brasileiras.


"As empresas que já aderiram ao Fashion City Brasil têm um perfil de vanguarda, estão antenadas à necessidade dos seus clientes e sabem que não podem enrijecer a expansão nos momentos de mudança de mercado.", explica Graciele Reis, empresária do setor e gestora comercial do Núcleo de Acessórios. "As marcas têm de ter aquela pitada de ousadia com o pé no chão...", completa Graciele.


Dionísio José Gava Jr., vice-presidente regional do Sindijoias Estado de São Paulo e empresário da área, explica que "é uma oportunidade singular estarmos inseridos em um negócio que gira em torno da moda. O nosso setor precisa acompanhar as macrotendências e se diferenciar de outros produtos, que entram no país sem controle, pelo primor no estilo, desenho e qualidade”.


Em 2015 o novo destino da moda criou uma série de vantagens comerciais para o segmento, com oportunidades de acesso às marcas que buscam vantagem competitiva com baixo custo de ocupação, benefícios logísticos e acesso aos melhores clientes do mercado.


Traga sua marca para o Fashion City Brasil. Ligue para (31) 3568-8100 ou escreva direto para acesorios@fcty.com.br e fale com a Graciele Reis.

 

Crédito: A imagem do anel é uma peça da Possebon, cliente do Fashion City Brasil.



07/04/2015

CENTRO DE EVENTOS ÚNICO NO PAÍS: MAIS INOVAÇÃO E INSPIRAÇÃO


Seu evento nas suas mãos, a 5min do aeroportoSeu evento nas suas mãos, a 5min do aeroporto

O Fashion City Brasil participou nos dias 26 e 27 de março da Feira EBS 2015 - Eventos Business Show. Em sua 13ª edição, o encontro discute destinos, espaços, fornecedores para eventos corporativos, incentivos, shows e gastronomia e, por isso, o novo destino da moda não poderia estar de fora.

 

Com uma planta inteligente e multiuso, um salão de negócios com mais de 13 mil m2, área externa com 40 mil m2, 2 mil vagas de estacionamento, o centro de eventos do Fashion City Brasil se destaca por oferecer uma alternativa muito mais sustentável aos atuais centros metropolitanos do país.

O empreendimento ainda tem uma rodoviária e hotel com padrão supereconômico próprios, além de contar com mais de 1.300 quartos de hotéis que oferecem mais de 2.500 leitos em um raio de 10 minutos de distância.

 

Além da proximidade ao Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, a 5 minutos de distância, o nosso espaço para negócios ainda está próximo a inúmeros pontos turísticos, como grutas, serras, cachoeiras, cidades históricas, centros gastronômicos e Inhotim, permitindo uma viagem a trabalho com descontração e vivência cultural.

 

Segundo a Associação Brasileira de Empresas de Eventos (ABEOC BRASIL), este setor movimentou em 2013 quase R$210 bilhões, correspondendo a 4,3% do PIB do país, gerando 7,5 milhões de empregos em 590 mil eventos. Ainda segundo a ABEOC BRASIL, 52% dos eventos estão na Região Sudeste e os participantes gastam R$100 bilhões/ano em média durante os eventos (com alimentação, hospedagem, transporte etc.).

 

O Brasil tinha, em 2013, de acordo com a associação, 9.445 espaços para eventos corporativos. Mas nenhum com o tamanho, estrutura e proximidade de um aeroporto internacional como o centro de eventos do Fashion City Brasil. Ligue para (31) 3568-8100 e agende seu evento com a gente. Se preferir, escreva para eventos@fcty.com.br.

 

#unidospelamoda #façaseueventoaqui #conversecomagente 



12/02/2015

#UNIDOSPELAOBRA


#UNIDOSPELAMODA

Todo o corpo administrativo da gestão do Fashion City Brasil agora trabalha junto à engenharia e aos funcionários da obra, todos no canteiro, desde o início do ano.


A mudança permite que as decisões estratégicas fiquem mais engrenadas ao cotidiano da megaconstrução. Clientes, fornecedores e parceiros que visitarem o empreendimento estarão a 5 minutos do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, a meia hora do Centro.

Sair de São Paulo, Pernambuco ou Cianorte para o Fashion City Brasil é o tempo de voo mais 5 minutos, comenta o presidente do complexo, Gilson Amaral Brito Jr.


O nosso novo endereço é Rodovia LMG 800, KM 13,4, S/N - Manoel Carlos - Pedro Leopoldo - MG - 33600-000. Veja no mapa abaixo como é fácil chegar ao novo destino da moda, seja de avião, carro ou ônibus.


Todos nossos demais contatos continuam os mesmos:
(31) 3568-8100 | contato@fcty.com.br | ww.fashioncitybrasil.com.br

Entre em contato e venha tomar um café com a gente.


Fashion City Brasil | #unidospelamoda



12/02/2015

NO CENTRO DO DESENVOLVIMENTO


#UNIDOSPELAMODA

 Ser um dos principais empreendimentos da Aerotrópole Belo Horizonte é muito mais do que estar no centro da história da moda e do desenvolvimento de Minas Gerais: é estar em uma das regiões metropolitanas que mais crescem no mundo, segundo o último Global Metro Monitor 2014, disponível em http://www.brookings.edu/research/reports2/2015/01/22-global-metro-monitor.


A BH Airport – concessionária que administra o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte com 51% do controle acionário, é um consórcio entre a brasileira CCR (uma das maiores empresas de concessão de infraestrutura do mundo) e a Zurich Airport (administradora do terceiro maior aeroporto em passageiros da Europa, e maior em carga deste continente) – escolheu essa região para investir porque é aqui que será instalada a primeira aerotrópole da América Latina.


Entre diversos setores da nova economia recém-instalados nessa região, como aeroespacial, logística e distribuição, eletrônicos, ciências biológicas e médicas, agronegócio, automotivo e equipamentos pesados, o Fashion City Brasil é o representante do nosso segmento, moda e têxtil.
Segundo o diretor-presidente da BH Airport, “A implantação do Fashion City Brasil está em linha com o principal propósito da BH Airport. A concessionária acredita no papel primordial da aviação e dos aeroportos para o desenvolvimento econômico das regiões onde atuam. A proximidade de empresas ao modal aéreo garante não apenas ganhos de competitividade aos empreendimentos como também favorece a logística adequada à distribuição e à geração de empregos cada vez mais qualificados. Para a BH Airport, investimentos como os do Fashion City Brasil serão capazes de atrair um grande número de passageiros e consolidar o Aeroporto como uma das principais portas de entrada da Região Sudeste.”.


Soma-se a isso tudo isso o primeiro aeroporto industrial do país, localizado no sítio do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, que vai permitir às empresas nstaladas no local trabalharem em uma zona de suspensão tributária, sob regime de entreposto aduaneiro especial, dando maiores vantagens às marcas residentes no Fashion City Brasil que desejarem exportar sua produção.


Não se trata de entrega futura. É o presente que já faz diferença. O estado que recebe o nosso empreendimento é a 10ª maior indústria de moda do país e seu o segundo maior consumidor. Faça parte do presente agora.


Fashion City Brasil | #unidospelamoda



12/02/2015

ACREDITAMOS NA FORÇA DA NOSSA INDÚSTRIA


#UNIDOSPELAMODA

 Estar no centro da primeira aerotrópole da América Latina, em meio a mais de 30 destinos nacionais sem escala, é uma decisão estratégica que tem a ver com moda e logística.

Além de ser um grande criador de moda, Minas Gerais possui uma centralidade única que permitirá aos nossos clientes (marcas e varejistas) estar nas principais capitais brasileiras em até de uma hora e meia de voo, utilizando o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, a 5 minutos do empreendimento.

Acreditando nessa dobradinha, DNA de moda e localização de Minas, o Fashion City Brasil já investiu mais de R$60 milhões ainda nesta primeira fase da obra, que conta com aproximadamente 200 funcionários diretos e indiretos.


Além do BNDES, através do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), financiando parte da obra, muitos outros parceiros se somaram ao novo destino da moda, FIEMG e todos os principais sindicatos do setor de vestuário e acessórios, o Governo Estadual de Minas Gerais, a Prefeitura de Pedro Leopoldo, associações de consultores de moda e inúmeras marcas de Minas Gerais, São Paulo, Pernambuco, além de inúmeros parceiros estratégicos que tornarão o Fashion City Brasil o novo destino da moda.


Vamos adequar a demanda do mercado ao cronograma de obra, inaugurando não apenas o maior complexo turístico de negócios em moda do país, mas um grande e promissor futuro para a indústria, empresários, trabalhadores e consumidores, um novo destino para moda.

 

Fashion City Brasil | #unidospelamoda



12/02/2015

2015: VENCER OU VENCER #UNIDOSPELAMODA


#UNIDOSPELAMODA

 Todos sabemos que o empresário da moda (têxtil e confecção) teve nos últimos 2 anos um panorama muito adverso para seus negócios. Ano passado, em especial, foi de baixo crescimento, alta de juros e uma produção e vendas apertadas pelas eleições e Copa do Mundo. 2015 se inicia com seus desafios...
O Diário do Comércio (BH, MG), em sua edição de 23/01/2015, estampa na primeira página que a produção em 2014 na indústria têxtil recuou 5% e as confecções encolheram a fabricação em 2%.


A questão que se impõe é como passar por essa turbulência e até incrementar as vendas. Acredite, é possível.


O presidente da Renner, José Galó, afirma que "quem não conseguir apresentar diferenciais competitivos corre o risco de sair” do jogo (Diario de Pernambuco, 28/12/2014). Não é retórica, é fato. Na mesma direção, o IEMI – Inteligência de Mercado projeta para 2015, no segmento do varejo moda, um crescimento de 3,1% em volume e incremento de 8,6% em valor nominal. Para a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), o novo patamar do dólar entre R$ 2,50 e R$ 2,60 vai fomentar as exportações do setor têxtil (18/12/2014), estimando, ainda, que a produção têxtil crescerá 0,3% e a confecção, 0,7% e o varejo de vestuário, 0,4%, para 2015.
Se as previsões estão positivas no varejo no PDV, no universo online o otimismo ainda é maior. Segundo a Forrester Research, especialista em estimativas de mercado, em 2013 o Brasil movimentou US$15 bilhões em comércio eletrônico, cujo tamanho deve alcançar US$35 bilhões em 5 anos, e de acordo com a WebShoppers (iniciativa da E-bit), a categoria Moda e Acessórios continua liderando as vendas no e-commerce (18% do volume total de pedidos). Nunca esteve tão fácil vender online. Ainda na esteira do comércio eletrônico, "qualidade e a durabilidade" são norteadores do consumo de moda em sites do Brasil: 37% dos entrevistados da pesquisa WBI Brasil/Quesh revelaram buscar essas características em seus pedidos. E mais, “bom caimento/modelagem”, "preços acessíveis" e "conforto" também aparecem como condição para a compra. Somente 2% afirmaram que “estar na moda” ou “ser de uma marca conhecida” são atributos importantes (08/12/2014).


Todos estes atributos a moda brasileira tem de sobra, em especial quando comparada a mercadorias fabricadas no exterior, sem a menor preocupação com pesquisa e desenvolvimento. Mercado consumidor e produtos de qualidade há para atravessar 2015 sem maiores traumas e até crescer, cabendo ao setor encontrar as soluções que suportem suas estratégias, pois tendo o principal – demanda de consumo – o desafio é saber se posicionar para atender o seu cliente, vencendo 2015 e 2016 sem traumas e, por que não, com perspectiva de crescimento.


Fashion City Brasil | #unidospelamoda



11/10/2014

Vivaz e Fashion City Brasil: 70's Greatest Fashion Hits



A Vivaz, uma das grandes marcas da moda mineira e reconhecida em todo o país, apresentou sua coleção para o Outono/Inverno 2015 no Minas Trend Preview, que aconteceu no Expominas. Fechando o primeiro dia de desfiles, a Vivaz desfilou sua moda inspirada no glamour dos anos 70 e levou grandes sucessos para a passarela.

Entrando no clima do Studio 54, ícone da década dançante, foi criado um vinil, distribuído junto com um headphone, tudo personalizado pelo Fashion City Brasil, para fazer referência aos símbolos dos anos 70 e convidar o público para curtir a festa junto com a Vivaz e com o novo destino da moda.



11/10/2014

Moda e sustentabilidade têm tudo a ver



Rogério Lima, famoso por seu talento em criar bolsas e acessórios, também apoia o Fashion City Brasil e seu desfile no Minas Trend Preview abraçou a campanha #UNIDOSPELAMODA. Inspirado pelos moradores de rua, o designer reutilizou alguns materiais e desenvolveu bolsas, carteiras e mochilas.

O maior complexo de moda da América Latina participou do desfile com uma ação inusitada: uma vendedora de rua distribuiu amendoins e, nas cadeiras, os convidados encontraram um kit de lápis personalizados feitos de jornal e produzidos pelo Fashion City Brasil. Um desfile que provou que a relação entre o mundo da moda e a preocupação com a sustentabilidade tem tudo a ver.



11/10/2014

Celebrando a união pela moda



Para estrear a passarela da 15ª edição do Minas Trend Preview, a Patrícia Motta, marca que é referência por seu trabalho em couro e que também apoia o Fashion City Brasil, inspirou-se na união para criar sua coleção Outono/Inverno 2015.

Combinando com o glamour da coleção, foram distribuídas garrafas de champagne e taças personalizadas com mix de castanhas produzidos pelo Fashion City Brasil fazendo um convite a todos os presentes para brindar, com a Patrícia e com o novo destino da moda, nesse desfile que foi uma verdadeira festa à união.



11/10/2014

Fashion City Brasil e Natalia Dornellas



Em parceria com o site ND, o Fashion City Brasil marcou presença no maior evento de moda de Minas Gerais no stand da Natalia Dornellas, editora de moda do Jornal O Tempo. O vídeo institucional do empreendimento ficou passando na TV do stand durante o evento e todo mundo que foi curtir o espaço se surpreendeu com os atributos do Fashion City Brasil.



10/09/2014

Assinatura do Protocolo de Intenções ACNM



O maior complexo de moda da América Latina tem um novo e importante parceiro. A Associação dos Consultores em Negócios de Moda – ACNM, entidade que desde 1993 promove negociações entre a indústria da moda e seus clientes, estimulando a atuação desses profissionais, declarou apoio ao Fashion City Brasil assinando o Protocolo de Intenções no último dia 28, na sede da ACNM.


A nova parceria será benéfica para ambas as partes e, segundo Gilson Amaral Jr., Presidente do Fashion City Brasil, esse apoio será fundamental para a disseminação de uma nova cultura de moda e negócios em Minas Gerais, inserindo o novo complexo da moda na rota de compradores de todo o Brasil.


Paulo Lopes, Diretor-Presidente da ACNM, acredita que a chegada de um empreendimento do porte do Fashion City Brasil vai inaugurar “uma nova fase para os negócios de moda em Minas Gerais, proporcionando aos associados e clientes lojistas um universo de bons negócios e prosperidade, e colocando as marcas na posição de destaque que realmente merecem”.



04/09/2014

Núcleos Estratégicos Fashion City Brasil



O Fashion City Brasil será um complexo de atacado diferente dos demais por oferecer diversos benefícios exclusivos e focados no sucesso do lojista e na satisfação dos compradores. Por isso, foram criados cinco núcleos estratégicos que irão nortear as ações tanto dos lojistas para potencialização das vendas quanto do próprio empreendimento para manter o fluxo de clientes, além de oferecer apoio total aos visitantes que irão realizar suas compras.


Os núcleos se dividem em Central de Atendimento, Central de Cadastro, Central de Consultores de Moda e Representantes, Programa de Fidelidade e Central de Inteligência Mercadológica.


Acompanhe o detalhamento de cada um dos núcleos nas próximas edições do Croqui e fique por dentro do funcionamento estratégico do Fashion City Brasil.



28/08/2014

Projeto OPA



A Educação Ambiental pode e deve ser trabalhada de maneira diferenciada. E foi pensando nisso que o Fashion City Brasil, em parceria com a Poeira Estúdios, estabeleceu um novo arranjo para o Programa de Educação Ambiental do empreendimento.


Uma das importantes ações do programa é o Projeto OPA – Oficinas Poeira de Animação -, que une os conceitos da Educação Ambiental às técnicas de animação stop-motion e desenho animado, e está sendo implantado nas escolas municipais José Pedro Filho, em Pedro Leopoldo, e Tavares em Confins. Através de atividades audiovisuais com temáticas socioambientais, os alunos produziram dois curta-metragens: “O retorno de Peter Lund” e “OPA, Luzia”. O objetivo maior da realização do projeto nas escolas é incluir o cinema de animação como ferramenta pedagógica, proporcionando de forma criativa e divertida uma melhor compreensão da Educação Ambiental.


Os vídeos foram apresentados em sala de aula no dia da formatura dos alunos, contando com a presença de professores, pais, idealizadores e parceiros, e os alunos receberam um certificado pela conclusão do curso.

 



10/08/2014

SINDIJOIAS DE LIMEIRA DECLARA SEU APOIO


O crescimento das indústrias de joias será impulsionado

O Sindijoias da cidade de Limeira, situada no Centro-Leste de São Paulo, é o novo apoiador do Fashion City Brasil, em especial do Núcleo de Acessórios criado no complexo de moda. "É uma oportunidade singular estarmos inseridos em um negócio que gira em torno da moda. O nosso setor precisa acompanhar as macrotendências e se diferenciar de outros produtos, que entram no país sem controle, pelo primor no estilo, desenho e qualidade”, refletiu o vice-presidente estadual, Dionísio Gava Jr. O presidente do Fashion City Brasil, Gilson Brito, ressalta que o complexo de moda vai oferecer todo o aparato favorável para o crescimento das indústrias do setor joalheiro que se fixarem no empreendimento.



08/08/2014

A EVOLUÇÃO DO FASHION CITY BRASIL NO GOOGLE


O primeiro One-Stop-Shop do país via satélite

Neste mês, o Google Earth atualizou suas imagens de satélite e agora já podemos visualizar a evolução do empreendimento, como na imagem acima.



06/08/2014

O NOVO DESTINO DA MODA MOSTRA A SUA GRANDEZA


40% das obras concluídas

As obras em Minas Gerais não param. É assim que o Fashion City Brasil continua crescendo. No 11º mês de construção, já é possível sentir um gostinho a mais de como esse grandioso projeto vai ficar.



05/08/2014

JANTAR DE NEGÓCIOS EM UBERLÂNDIA


Gilson Brito e Luiz Morais, presidente da marca Patricia Bonaldi

No dia 28 de julho, o Fashion City Brasil realizou um jantar para empresários locais em Uberlândia, em parceria com o Sindivestu.

O empreendimento foi apresentado para os convidados, que compareceram em peso, pelo seu Diretor-Presidente, Gilson Brito Jr. Ao final do jantar, todos levaram para casa informações surpreendentes sobre o maior complexo de moda da América Latina em vários materiais institucionais impressos.



27/06/2014

JOHN KASARDA VISITA O FASHION CITY BRASIL


Kasarda avalia maquete do empreendimento

John Kasarda, profissional respeitado e maior referência em Aerotrópole do mundo, visitou o Fashion City Brasil no início de junho. Acompanhado pelo Superintendente de Projetos Especiais da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Danilo Colares de A. Moreira, Kasarda visitou a nossa sede, depois seguiu para acompanhar o andamento das obras e constatou o avanço do projeto, que está inserido na primeira Aerotrópole da América Latina.



20/06/2014

MODA DO NORDESTE ADERE AO FASHION CITY BRASIL


Região nordeste em peso no novo destino da moda

Na fase atual de construção e início da negociação de espaços pelo Brasil afora, uma região do país tem se destacado pela adesão ao projeto: o nordeste. Empresários pernambucanos do ramo têm efetuado uma série de visitas para conhecerem pessoalmente as obras, o que tem gerado a reserva de várias lojas no empreendimento.

“Hoje, o nordeste tem como característica principal o preço competitivo diante de um grande volume de peças. O Fashion City Brasil faz com que o mercado se force a produzir uma roupa não com preço baixo, mas com preço justo, com valor agregado”, afirmou o consultor técnico do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) de Pernambuco, Antônio Melo Mendes.

O presidente do Fashion City Brasil, Gilson Amaral Brito Jr., acredita que a adesão do nordeste é extremamente enriquecedora, já que consolida o conceito de que o empreendimento se transformará na grande vitrine dos bons fabricantes nacionais.



10/06/2014

BOAS-VINDAS AOS SINDICATOS


Parceiros visitam a sede e as obrasParceiros visitam a sede e as obrasParceiros visitam a sede e as obrasParceiros visitam a sede e as obrasParceiros visitam a sede e as obras

Hoje o Diretor-Presidente do Fashion City Brasil, Gilson Brito, recebeu os nossos parceiros do Sindijoias, Sebrae, Sindicalçados, Sindibolsas, Câmara da Moda Fiemg, Sindivest e SEBRAE. Depois de visitar a nossa sede, todos seguiram para acompanhar o andamento das obras.



05/06/2014

MONITORAMENTOS SUSTENTÁVEIS


Qualidade do ar e de ruídos certificada

Para nos certificarmos de que não há efeitos negativos para a vizinhança durante a construção do Fashion City Brasil, realizamos alguns monitoramentos sistemáticos, como o da qualidade do ar e de ruídos.

O monitoramento de ruídos é realizado por meio de um sonómetro, ligado durante as atividades normais das obras e por um tempo necessário para se calcular uma média de ruídos. Em todas as 37 campanhas de monitoramento realizadas, em nenhum momento o ruído extrapolou os valores permitidos por lei.

O mesmo ocorreu com o monitoramento da qualidade do ar, realizado por um equipamento denominado Hi-Vol. Em nenhuma campanha os parâmetros extrapolaram o permitido por lei, garantindo, assim, a qualidade do ar e o controle de material particulado oriundo das obras.



22/05/2014

VEM AÍ O NÚCLEO DE ACESSÓRIOS DO FASHION CITY BRASIL


Teremos 70 lojas exclusivas de acessóriosTeremos 70 lojas exclusivas de acessórios

O Fashion City Brasil criou, em parceria com o Sindicato das Indústrias de Joalherias, ourivesarias, Lapidações e Obras de Pedras Preciosas, Relojoarias, Folheados de Metais Preciosos e Bijuterias no Estado de Minas Gerais — Sindijoias Gemas MG —, um núcleo especial para acessórios no interior do empreendimento. A divisão vai contar com 70 lojas que atuam exclusivamente nessa atividade, proporcionando um mix completo ao comprador que recorrer a Belo Horizonte para abastecer seus negócios varejistas em todo o país.

O núcleo especial vai contar com 2.200 m2 de área bruta locável (ABL). Grandes nomes do segmento, como Amarjon Biojoias, Marré Infinito e Ronnelly já aderiram ao projeto e adquiriram seus espaços.